Salmão transgênico é aprovado nos EUA e Canada

Em novembro de 2015 o salmão geneticamente modificado teve sua aprovação para comercialização e consumo pela Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos – Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de alimentos e medicamentos dos Estados Unidos. E em maio de 2016 a Health Canada publicou uma avaliação científica e garantiu ser o salmão transgênico seguro para comercialização e consumo no Canada, assegurando todo o seu valor nutricional e não diferindo dos outros salmões disponíveis no mercado.

Juntamente com a aprovação da (FDA) em novembro de 2015, há agora duas revisões independentes de dois dos mais exigentes reguladores do mundo e ambos chegaram à mesma conclusão. Espera-se poder trazer o salmão aos consumidores e desfrutar de uma maneira ambientalmente responsável, sem prejudicar e explorar os oceanos, com a garantia de que o salmão transgênico é tão seguro e saudável como o salmão do oceano.

O salmão AquaAdvantage aprovado para venda no Canadá é desenvolvido pela inserção de um gene regulador do hormônio do crescimento a partir do salmão Chinook do Pacífico no genoma do salmão do Atlântico. A modificação genética permite que o salmão AquaAdvantage cresça até o tamanho do mercado em 16 a 18 meses em vez de 30 meses como o salmão do Atlântico tradicional. A vantagem deste crescimento rápido é que se necessita menos ração para atingir o tamanho ideal, colaborando com o meio ambiente e para a produção de alimentos de forma sustentável. Em todos os outros aspectos, a exemplo de gosto, o novo peixe conserva suas características.

Salmão transgênico e salmão padrão da mesma idade.

salmão transgênico c

Os critérios adoptados pela Health Canada na avaliação da segurança dos alimentos GM se baseiam em princípios científicos desenvolvidos por meio de consulta a especialistas internacionais e agências como a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Organização para a Alimentação e Agricultura das Nações Unidas (FAO) e da Organização para a Cooperação Econômica e Desenvolvimento (OCDE). Esses critérios são atualmente utilizados por agências reguladoras em todo o mundo em países como a União Europeia, Austrália / Nova Zelândia, Japão e Estados Unidos.

A aprovação do salmão transgênico para comercialização e consumo pelos EUA e Canadá, representa um marco importante para a produção de alimentos de forma sustentável e segura numa perspectiva que atenda a demanda de uma população mundial crescente. Nesse sentido a biotecnologia tem muito em que colaborar. É importante também mencionar que o salmão, assim como qualquer outro alimento transgênico, só é liberado para o consumo após rigorosos testes de biossegurança, que comprovam sua segurança para os seres humanos e o meio ambiente.

Referências:

  • http://www.prnewswire.com/news-releases/aquabountys-aquadvantage-salmon-approved-by-health-canada-300271876.html
  • Comunicado de Health Canada: http://www.hc-sc.gc.ca/fn-an/gmf-agm/appro/aquadvantage-salmon-saumon-eng.php
  • Canadá aprova comercialização de AquaAdvantage salmão transgênico, http://www.chilebio.cl/?p=5235

Deixe uma resposta